Notícias

  • Set

    17

    2018

Natal - Comércio deve se planejar com antecedência

Com a proximidade do Natal, a melhor data para o comércio, as lojas já começam a se preparar para atrair os clientes e vender mais. Segundo pesquisa da Fecomercio-SP (Federação do Comércio do Estado de São Paulo), 60% dos consumidores ouvidos na capital pretendem dar presentes neste Natal, contra 66% em dezembro do ano passado.

A diminuição na intenção de compra faz com que os lojistas tenham que se empenhar mais para se destacar da concorrência e conquistar os consumidores. Especialistas em varejo dizem que é importante investir no ponto de venda e atendimento para ampliar as vendas na data comemorativa.

A decoração natalina com antecedência é uma maneira de lembrar o consumidor de que a data está próxima. As pessoas começam a entrar no clima, geralmente, com o pagamento da primeira parcela do 13º salário no início de novembro, então, nesta época, é importante já estar com a loja decorada.

No começo de dezembro acontecem muitas confraternizações, então as pessoas já estão comprando. Como a data favorece a troca de presentes, as pessoas costumam comprar mais itens, no entanto, por preços menores do que em ocasiões como o dia dos pais ou das mães. Por isso, oferecer produtos de diversos tipos e variadas faixas de preços é uma maneira de reter clientes.

 

SERVIÇOS DA ACEI

A Associação Comercial e Empresarial de Itapira – ACEI possui uma gama de serviços para uma venda mais tranquila e segura. Além de cursos e oficinas voltadas para a melhoria em vendas, gestão e atendimento. Para maiores informações, ligue: 3913 9444. Também disponibilizamos outros meios de informações como facebook, site e a Revista Empresarial.

DICAS PARA O FINAL O NATAL

DECORAÇÃO 

A decoração natalina ajuda a lembrar o consumidor de que a data está próxima e o faz entrar no clima de comemoração. Para o comércio de rua, a decoração é importante, pois pode se tornar referência na vizinhança.

FORMAS DE PAGAMENTO

Condições de pagamento atrativas, como parcelamento sem juros e início do pagamento no ano seguinte podem influenciar na decisão do consumidor pelo seu produto.

KITS E VALE-PRESENTES

Como as pessoas compram mais presentes no Natal do que em datas como o dia das mães, é importante ter um mix de produtos de diversos segmentos e preços variados. Oferecer itens aleatórios e embalagens bonitas, com possibilidade de o consumidor montar kits personalizados, é uma boa estratégia. Da mesma forma, os vale-presentes — cartões com valores pré-estipulados para que o presenteado vá à loja para escolher o que quer — são uma alternativa para quem não sabe o gosto de quem receberá o presente. Para o lojista, aumenta as possibilidades de venda.

EMBALAGEM

Oferecer embalagens temáticas e bonitas é uma maneira de fisgar o cliente que não quer ter outro gasto além do presente. Se não tiver espaço na própria loja para fazer o embrulho, ofereça a embalagem para que ele monte o presente em casa.

TROCAS

Como as compras geralmente são para outras pessoas, é importante dar a possibilidade de trocar produtos e informar claramente as condições.

PROMOÇÕES

Aposte em concursos culturais, sorteios, programas de acúmulo de pontos para troca por produtos para fidelizar o cliente. Não precisa inventar muita coisa. Promoções do tipo “pague 2 e leve 3” podem aumentar a experiência do cliente com a marca e o produto.

DIVULGAÇÃO

Invista na comunicação em canais diversos para divulgar sua loja. Redes sociais, e-mail marketing e envio de correspondência para clientes cadastrados são formas de levar
mais consumidores para a loja.

Fonte: SEBRAE